A Casa tecnológica de Ex Machina

divulgacao

Ex Machina é um filme de ficção científica que aborda a criação da inteligência artificial e os limites éticos envolvidos. Um prato cheio para metáforas e cenários de uma plástica que só o cinema pode oferecer. Se você não assistiu, vale a dica.

Mas se você já viu esse filme, acredito que você tenha ficado muito intrigado com um personagem silencioso do filme: a casa do Nathan, criador bilionário do filme – interpretado por Oscar Isaacs.

A casa é um caixote de madeira imponente numa paisagem selvagem de mata do hemisfério norte, com riachos e geleiras aparentes. A arrogância das linhas simples da parte externa da casa escondem um interior profundamente misturado com a natureza, ao mesmo tempo que encerra vários tesouros tecnológicos em suas paredes.

divulgacao

Grande parte da casa usado no filme é na verdade um hotel. O Juvet Landscape Hotel, foi encontrado entre as rochas, florestas e geleiras da Noruega, em Valldal Valley. O Juvet tem a exata aparência exterior que você você vê no filme, e as cenas interiores são uma mistura de ambientes do hotel e filmagens de estúdio.

Projetado por arquitetos noruegueses Jensen e Skodvin há cerca de seis anos, o Juvet Landscape Hotel ganhou aplausos por sua simplicidade orgânica, design moderno e ambiente tranquilo. Sua construção foi uma iniciativa do governo Norueguês para desenvolver 18 Rotas Turísticas Nacionais em toda o país.

divulgacao

divulgacao

divulgacao

divulgacao

divulgacao

divulgacao

O trabalho do diretor Alex Garland e do desenhista de produção Mark Digby era passar uma mensagem de reclusão luxuosa, refúgio com intimidade com a natureza, para conhecer melhor a criação e tentar, numa engenharia reversa profana, criar sua própria criatura.

Isso inclui o mobiliário modernista, a cozinha empilhado com aparelhos elegantes, e até mesmo a pintura (uma reprodução) de Jackson Pollock na parede.

“Escolhemos uma gama eclética de designs meados do século 20 que eu acho que são clássicos e eternos”, diz Digby, descrevendo Nathan como um colecionador, desde artefatos de todo o mundo ou idéias de funcionários como Caleb. “Eu não acho que ele sente que as coisas tem que ser atualizadas, ele só exige que tenham design.”

divulgacao

divulgacao

divulgacao

divulgacao

divulgacao

divulgacao

divulgacap

divulgacao

divulgacao

divulgacao

divulgacao

divulgacao

Embora Ex Machina está claramente definido em um futuro próximo em que a inteligência artificial já é possível, raramente se coloca como explicitamente futurista; além de alguns teclados biométricos e programas de computador, quase tudo na casa além de robô Ava já existe hoje em dia. “Você precisa de pessoas para envolver-se e ter a sensação de que eles poderiam estar lá e isso poderia acontecer”, explica Digby. “Nós pensamos muito sobre isso.”

divulgacao

Veja também – A casa do Homem de Ferro

Avenida Benedito Storani, 94 - Sala 3
CEP 13280-000 - Centro - Vinhedo - SP
+55 (19) 3876-0179 / (19) 99873-4415
contato@eurekaht.com.br
Valid XHTML 1.0 Transitional
Eureka Automação Residencial, Magic Mirror, Aspiração Central